54% de Todos os Processos Tramitando no Brasil são de Bancos

//

Imagem

Segundo levantamento feito pelo Conselho Nacional de Justiça – CNJ, órgão responsável pela fiscalização do Poder Judiciário, em relatório publicado ontem (31/03/11), os bancos ocupam 54% de toda a demanda judicial nas justiças estatuais, sendo que pelo menos 38% do processos tramitando nas justiças federal, estadual e trabalhista também são “liderados” pelos bancos.Esses números revelam a indignação do povo brasileiro contra os abusos praticados pelos bancos, posto que se não fosse assim, as justiças estaduais teriam menos 54% de processos tramitando, ou seja, mais da metade das questões judiciais não existiriam e o cidadão ou empresa que procurasse a justiça para discutir outras questões obteria resultado na metade do tempo, se não fosse por culpa dos bancos.

É impressionante como as instituições financeiras abarrotaram o Poder Judiciário por culpa dessa política de cobrar encargos abusivos do pacato brasileiro, sendo que a maioria das questões bancárias na justiça dizem respeito à financiamentos de veículos.

Atualmente os Fóruns da Justiça Estadual, em todo o território nacional, se tornaram meros office-boy dos bancos, pois se limitaram a buscar e apreender veículos inadimplidos de pessoas físicas e jurídicas que não contrataram um bom advogado no ramo para defender e atacar.

Acesse o link integracoes.coblog.com.br para vizializar a íntegra do relatório do CNJ.

Att.,
Dr. Davi Chedlovski Pinheiro
www.pinheiroadvogados.com.br