Até o México quer Aproveitar…

Até o México quer Aproveitar a Onda de Financiamentos de Veículos no Brasil

Até o México quer Aproveitar a Onda de Financiamentos de Veículos no Brasil

 

O secretário de Economia do México, Bruno Ferrari, viaja ao Brasil para salvar o acordo firmado em 2002 sobre o livre comércio de automóveis entre os dois países.
Ferrari conversará nesta terça-feira, em Brasília, com o ministro brasileiro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, para superar o impasse nas negociações. Uma primeira etapa de conversações terminou sem resultados no dia 9 de fevereiro passado.
Brasil e México firmaram em 2002 um acordo que permite a importação de carros, peças e outros componentes de veículos com tarifas reduzidas, mas as autoridades brasileiras anunciaram há um mês a revisão do tratado.
Ferrari advertiu no início de fevereiro que o impasse pode colocar em risco as negociações entre as duas maiores economias da América Latina visando um tratado de livre comércio. O secretário mexicano recordou na semana passada que durante anos seu país teve uma balança comercial desfavorável com o Brasil, com um saldo negativo que somou 21 bilhões de dólares em dez anos. No ano passado, o México obteve um superávit de 126 milhões de dólares com o Brasil, graças à venda de automóveis.
O secretário se reuniu na semana passada, no Japão, com dirigentes das montadoras Nissan e Mazda, que anunciaram investimentos bilionários no México visando os Estados Unidos e o crescente mercado da América Latina.
O México produziu em 2011 o número recorde de 2,56 milhões de veículos, dos quais 2,1 milhões foram exportados.
(com Agência France-Presse).

 
Att.,
Dr. Davi Chedlovski Pinheiro
http://www.pinheiroadvogados.com.br
OAB/PR 2375
Postado em 28/02/2012

Reblogado de: http://www.coblog.com.br/blog/index.php?cb=pinheiro&tipo=integra&id=73