Inadimplência do consumidor…

Inadimplência do consumidor cresce 19% no 1º semestre.

1324814564646-sem-dinheiro

 

De acordo com a Serasa, em média, 60% dos consumidores que não honram seus pagamentos têm dívidas acima de 100% de suas rendas

11/07/2012, 09:23
REUTERS
A inadimplência do consumidor cresceu 19,1% no primeiro semestre de 2012 sobre igual período do ano passado, informou a Serasa Experian nesta quarta-feira (11).

Em junho, o dado acelerou 15,4% sobre um ano antes, enquanto na comparação com maio o índice teve retração de 0,5%.
Economistas da Serasa Experian atribuem o avanço no acumulado dos seis primeiros meses do ano ao crescente endividamento e descontrole do consumidor ao assumir novas dívidas.

“A renda do consumidor está comprometida, principalmente com dívidas caras (cheque especial e rotativo do cartão de crédito) e de alto valor (veículos e imobiliárias), o que leva a um descontrole no gerenciamento da situação”, disse a entidade em nota.

De acordo com a Serasa, em média, 60% dos consumidores que não honram seus pagamentos têm dívidas acima de 100% de suas rendas.

“É importante destacar que o patamar da inadimplência poderia ser superior, mas a evolução da renda e o desemprego baixo estão atenuando este cenário”, disse a entidade.

As dívidas não bancárias e as com os bancos foram as principais responsáveis pela alta do indicador no primeiro semestre, com variação de 21,6 e 22,1%, respectivamente.

Apesar disso, o valor médio das dívidas com bancos caiu 1% de janeiro a junho, para 1.294,59 reais, segundo a Serasa Experian. Já o valor médio dos débitos não bancários cresceu 16,3% no período.

Os títulos protestados cresceram 6,3%, ao passo que os cheques sem fundos apresentaram queda de 5,9% no período.

 

Att.,
Dr. Davi Chedlovski Pinheiro
http://www.pinheiroadvogados.com.br
OAB/PR 2375
Postado em 11/07/2012

Reblogado de: http://www.coblog.com.br/blog/index.php?cb=pinheiro&tipo=integra&id=104